Festejo de Iemanjá

por Zeca Santos, Sebastião Neto;

Nossa coluna foi a Bahia para celebrar e agradecer a senhora rainha dos mares, esposa de Poseidon(divindade da mitologia grega),Iemanjá.

FB_IMG_1580635495885

No calendário romano, seu dia é 02/02, e esse ano foi mágico por ser único.

Screenshot_20200202-104409_WhatsApp

Nossa visita foi especificamente nos bairros Rio Vermelho, local da casa da deusa, no Porto da Barra, onde fizemos nossas oferendas, e ainda no Dique do Tororó. Nesses dois últimos em conjunto com a escola de natação Peixinho.

Iemanjá é um orixá feminino (divindade africana) das religiões Candomblé e Umbanda. O seu nome tem origem nos termos do idioma YorubáYèyé omo ejá”, que significam “Mãe cujos filhos são como peixes”.

Mãe-d’água dos Iorubatanos no Daomé, de orixá fluvial africano passou a marítimo no Norte do Brasil. Iemanjá é a padroeira dos pescadores. É ela quem decide o destino de todos aqueles que entram no mar.

Salvador, capital baiana, parou nesse 2 de fevereiro, todos de branco, depositando no mar flores brancas e amarelas, pedidos, agradecimentos. Bençãos são oferecidas gratuitamente a todos com alfazema e um abraço sincero.

1038

20200202_164549

Iemanjá é conhecida por diversos nomes: Dandalunda, Inaé, Ísis, Janaína, Marabô, Maria, Mucunã, Princesa de Aiocá, Princesa do Mar, Rainha do Mar, Sereia do Mar e Odoyá. Em sua mão direita encontra-se um belo espelho, por isso dizemos também que é a “Afrodite brasileira”, a deusa do amor e da beleza.

iemanja_sm

A fé e religião de cada um deve sim ser respeitada, até porque, qualquer ato religioso faz parte da cultura de um povo e isso merece muito RESPEITO.

Fique conosco deixe seu comentário, inscreva-se em nosso canal no YouTube  Te Vejo Aqui by Zequinha, pois é nele que você leitor seguidor e fã tem acesso as entrevistas exclusivas e aos teasers de nossas matérias e não deixe também de curtir e comentar ou ate compartilhar nossas dicas e informes  na página do Facebook TE VEJO AQUI atualizada pelos nossos profissionais . E não deixe de nos seguir no Instagran @tevejoaquibyzequinha.

20200202_164152

´´Odoyá, minha mãe
Sereia do canto belo
Com ela, mantenho o elo
Quando encosto o pé no mar.

1024

Regente da minha coroa,
Que chora se adoeço
Não sei nem se eu mereço
Ser filho de Iemanjá.

20200202_073651

Velejando por sete mares
Nova vida,novos ares
Mas sempre acompanhado
Da princesa de Aiocá.

Pois a benção que acompanha
Seus filhos por esse mundo
Tranquiliza o coração
De quem luta sem descansar.

Digo “odoyá, odoyá!”
Pra ela me abençoar
Mãe minha do seio farto
Que ama filho do mar´´… (Sebastião Neto)

Muita alegria, muita música, muitos atabaques, muita gente e nenhuma confusão.

Iemanjá é o melhor exemplo da diversidade religiosa e é cultuada em todas as igrejas corresponde a: Nossa Senhora dos Navegantes, Nossa Senhora da Conceição, Nossa Senhora das Candeias, Nossa Senhora da Piedade e Virgem Maria.

Todas as fotos usadas nessa matéria são do fotógrafo e nosso editor Zeca Santos e as imagens de Daniel Azevedo. Poema do artista Sebastião Neto.

Deixe uma resposta