O maior espetáculo da Terra,O Carnaval carioca decidido por décimos

por Zeca Santos e Antonio Correia;

Um ano atípico e tumultuado, marcado por protestos contra os governantes do estado e municipal. Com sérios problemas financeiros, além de problemas de segurança, na saúde e educação, um estado falido e totalmente quebrado. Muito bem mostrado pela escola campeã a Beija Flor de Nilópolis e também pela Estação Primeira de Mangueira, a 5*colocada.

20180214_165417

A azul e branca de Nilópolis fez uma atualização perfeita de um enredo vencedor criado por Joaõzinho 30 nos anos 80 do Luxo ao Lixo, para ver como esse grande mestre estava a frente de seu tempo e como o país já se encontrava na mesma situação atual.

beija-flor-dsc-2443-alexandre-durao-g1

A Estação Primeira de Mangueira, que fez protesto ferrenho contra a prefeitura e muito bem aceito pelas arquibancadas.

1248

A Mangueira, que teve o melhor carro alegórico do ano´´Deixe o Povo Brincar´´

1218

A verde e rosa veio bem irreverente, com suas alegorias primorosas bem compacta e animada como sempre, e sem grandes defeitos.

1093

Paraíso do Tuiuti, a zebra do carnaval carioca, mostrou a que veio, como uma total reabilitação, se lembramos o gravíssimo acidente no carnaval passado para ser vice campeã do carnaval. A escola ganhou 1 Estandarte de Ouro(prêmio oferecido pelo Jornal o Globo) como a melhor comissão de frente que fazia alusão aos escravos e feitores.

tuiuti-dsc-7956-alexandre-durao-g1

Além do questionamento se realmente a escravidão acabaou, ainda teve o protesto contra a reforma trabalhista, caracterizando realmente a escravidão atual.

tuiuti-t0a8068-marcos-serra-lima-g1
a alegoria desfilou aos gritos do público de ´´fora Temer´´… vamos pra rua exigir essa saída.

Mocidade Independente de Padre Miguel, campeã do carnaval de 2017 junto com Portela, nesse ano não passou de um mero 6*lugar. Seu Namastê não foi tão bem aceito, mesmo tendo recebido Estandarte de Ouro por melhor samba enredo.

1171

Acadêmicos do Salgueiro trouxe uma homenagem as mães pretas, a negritude, ao berço da humanidade.

A vermelho e branco da Tijuca conquistou o Estandarte de Ouro como melhor escola e pela LIESA conquistou o 3*lugar. A escola pegou na falta de destaques negras, já que seu enredo era justamente mães negras.

A maior vencedora do carnaval carioca com 22 títulos, a Portela, que tentava o bi seguido, perdeu alguns décimos na sua comissão de frente, fora isso veio perfeita. Trouxe para avenida a xenofobia, preconceitos contra alguma raça, que no caso eram judeus holandeses que chegaram em Pernambuco,passando 10 anos por la e foram expulsos pelos portugueses, e esses mesmos foram os fundadores de New York. Perdemos bastante com essa xenofobia, não acham?

398

A carnavalesca e grande mestra Rosa de Magalhães foi muito feliz nesse enredo.

A Unidos de Vila Isabel, trouxe uma harmônia entre o  tradicional e o futuro, em seu abre alas o grande Martinho da Vila, que comemorava 80 anos, e nos disse que ´´num outro aniversário (ano do Kizomba) a azul e branca de Vila Isabel, subúrbio carioca, fora campeã e que esperava trazer sorte´´,  não deu muito certo.

500

Em sua comissão de frente vários Leonardo da Vinci, a frente de sua bateria Sabrina Sato, que deu um show como sempre.

506

A única escola da zona sul no grupo especial, a São Clemente, tentou pintar avenida mas, nem o 7 conseguiu, meio perdida e por muito pouco não desceu , graças a garra dos clementinos conseguiu se segurar.

A amarelo e preto de Botafogo, trouxe um novo olhar sobre Debret, e sua comissão de frente eram os pintores.

Ainda na concentração comemos o bolo da aniversariante, a porta bandeira linda e muito simpática Amanda, que completava 21 aninhos.

011

Infelizmente nem tudo foi alegria, a tradicional Império Serrano que passou 8 anos tentando retornar a elite do carnaval esse ano , não conseguiu se manter por erro primário da harmonia da escola que não soube usar o tempo a seu favor e retirou a escola, que veio belíssima e com uma garra, antes do tempo mínimo de desfile.

A verde e branca de Madureira investiu pesado no quesito mestre sala e porta bandeira, tanto que Raphaela ganhou o Estandarte de Ouro como revelação. Ao redor do casal, a escola que a tempos atras lançou a idéia de ter guardiões, (protetores da bandeira) trouxe dessa vez guardiãs, sim 12 mulheres, ex atletas de ginástica rítmica que foram treinadas pela professora técnica e coreografa Andréa João, que também é arbitra internacional do desporto. E foi um luxo.

025

A Império Serrano prestou uma linda homenagem ao seu compositor maior Arlindo Cruz, que está a 1 ano internado tentando se recuperar de um AVC. A homenagem veio antes da escola com uma ala inteira de amigos do compositor.

Uma comissão de frente formada por guerreiros chineses.

Agora, a maior derrota desse carnaval foi a queda da poderosa Grande Rio. A escola que tem verde, vermelho e branco em seu pavilhão e defende a comunidade de Duque de Caxias, veio homenageando o centenário de Chacrinha.

A escola que tem por hábito ter em seu corpo diversos atores, modelos, veio perfeita, leve brincando, cantando, linda.

A quem acredite em supertições, pela primeira vez na história a madrinha da escola a atriz Susana Vieira, e a destaque Mônica Carvalho(atriz e modelo) não compareceram na avenida. Quem sabe uma das causas essa derrocada? fica a dúvida.

A escola trouxe novamente para a avenida a eterna rainha de bateria Juliana Paes, que em sua última passagem pela Sapucaí, fez a bateria ajoelhar-se perante ela. E nada disso foi esquecido para marcar esse magistral retorno.

856
Juliana Paes, representa o Troféu Abacaxi, que era distribuido pelo apresentador em seus programas.

A comissão de frente muito original, eram pessoas assistindo ao programa do Chacrinha.

O casal Daniel/Verônica, foram os ganhadores dos Estandartes de Ouro para mestre sala e porta bandeira, fato que a muito tempo não acontece o casal completo da mesma escola ganhar o troféu.

Tudo lindo tudo maravilhoso dentro da avenida, a escola veio para ganhar o carnaval, quando chegou a notícia de que o seu último carro, onde viria a família do homenageado estava, tinha encalhado na calçada, erro primário do responsável pela feitura dos carros. Como deixou passar um carro maior do que a largura da pista? Erro 2 não só maior mais da altura da calçada, feito pra entalar mesmo. Pronto tudo degringolou, erro 3 a harmonia da escola não precisava ter alarmado a todos.

Graças a Deus ninguém se machucou ou feriu, coitado do responsável pelo erro primário.

Lamentavelmente o show precisa continuar.

Fique conosco deixe seu comentário, inscreva-se em nosso canal no youtube  Te Vejo Aqui by Zequinha( criado pelo nosso videomaker Daniel Azevedo), pois é nele que você leitor seguidor e fã tem acesso as entrevistas exclusivas e aos tisers de nossas matérias e não deixe também de curtir e comentar ou ate compartilhar nossas dicas e informes  na página do facebook TE VEJO AQUI atualizada pelos nossos profissionais Antônio Correia e Zeca Santos. E não deixe de nos seguir no instagran @tevejoaquibyzequinha.

Carnaval é uma festa popular, deve-se brincar, cantar, dançar, transar, e o principal RESPEITAR. o outro, lembre-se sempre: NÃO É NÃO! USE CAMISINHA!! SE BEBER NÃO DIRIJA!! volte de uber, transporte público ou a pé.

Todas as fotos e imagens usadas nessa matéria são do fotógrafo e nosso editor Zeca Santos, Antonio Correia.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s